SECIR assina Convenção Coletiva de 2017

In Galeria de Fotos
Presidente do SECIR e SINCOM exibem a Convenção assinada juntos.

Por volta das 16 horas de terça-feira (10), os sindicatos trabalhista e patronal finalizaram as suas negociações e assinaram a Convenção Coletiva de Trabalho para o ano de 2017, um tempo recorde.

E isto aconteceu em tempos em que a palavra crise é dita todos dias quase tanto quanto o bom dia. Conseguir valores justo sem muita resistência será algo muito difícil de ocorrer novamente em 2017.

Mesmo que o salário não tenha tido um ganho real, ficando igual à inflação acumulada período, já é uma grande conquista visto que até mesmo o próprio Governo Federal aumentou o salário mínimo abaixo da inflação.

Sendo assim, o piso do comerciário terá um aumento de 7,38% para o ano de 2017, isto é, R$ 981,46 para Irecê e região, e R$ 964,73 para povoados e distritos. O valor do domingo trabalhado aumenta para R$ 56,13 e a ajuda de custo para alimentação para quem viaja a serviço da empresa ficou de $16,39.

Todas as outras cláusulas sociais conquistadas em anos anteriores foram mantidas (Confira a Convenção na integra aqui).

You may also read!

FEEBBASE COMPLETA 50 ANOS NESTA SEXTA-FEIRA

Era 16 de novembro de 1968, quando representantes dos sindicatos dos bancários da Bahia, Sergipe, Feira, Ilhéus, Itabuna e

Read More...
Cena do filme "Tempo Modernos", de Charles Chaplin. Imagem: wikimedia commons

A lição de Henry Ford: empregado não é colaborador, é empregado

Uma reflexão para quem quer negar o inafastável conflito de classe no Direito do Trabalho.   Não duvido que em algum

Read More...

Reforma da previdência proposta por Bolsonaro inviabiliza a aposentadoria das mulheres

As mulheres sabem porque estiveram contra o presidente eleito Jair Bolsonaro. Mesmo antes de assumir, já começa a pagar

Read More...

Leave a reply:

Your email address will not be published.

Mobile Sliding Menu