Vitória dos comerciários: Justiça libera obras do restaurante do Sesc no Salvador Shopping

In Notícias

A luta da categoria comerciária em Salvador e do Sindicato por alimentação digna teve uma importante vitória no último dia 26/9: o Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) derrubou a liminar que suspendeu as obras do restaurante Sesc no Salvador Shopping. Os serviços devem ser retomados no mês de outubro.

 

“Essa decisão só ratifica nossos argumentos. Primeiro, de que merecemos alimentação de qualidade e com preço acessível. De que era um absurdo apenas três restaurantes, construídos há mais de 30 anos. Para quem ajuda o comércio crescer, nada mais justo do que ter a retribuição de mais serviços do Sesc”, celebra Jaelson Dourado, presidente do Sindicato.

Segundo o presidente da Federação dos Comerciários (FEC Bahia), Reginaldo Oliveira, “a Justiça entendeu que era inaceitável o pedido da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes da Bahia (Abrasel), sob alegação de concorrência desleal. Até porque, o restaurante é restrito a quem trabalha no comércio”.

É sempre bom lembrar: 80% da categoria tem remuneração média de R$ 1.066,00 (o piso salarial); o custo médio da refeição na região é muito alto, tornando impossível almoçarmos nos restaurantes tradicionais; a maioria das empresas não possui refeitório; o valor da ajuda alimentação é irrisório e grande parte dos trabalhadores leva refeição de casa.

“Com a decisão do TJ-BA, reforça-se o papel social do Sesc. Quando ele amplia seus serviços, é bom para os trabalhadores e para a sociedade. Lutaremos por mais restaurantes em outros shoppings e nos bairros populares de Salvador”, afirma Adilson Alves, presidente do Sintrasuper (comerciários de supermercados).

You may also read!

FEEBBASE COMPLETA 50 ANOS NESTA SEXTA-FEIRA

Era 16 de novembro de 1968, quando representantes dos sindicatos dos bancários da Bahia, Sergipe, Feira, Ilhéus, Itabuna e

Read More...
Cena do filme "Tempo Modernos", de Charles Chaplin. Imagem: wikimedia commons

A lição de Henry Ford: empregado não é colaborador, é empregado

Uma reflexão para quem quer negar o inafastável conflito de classe no Direito do Trabalho.   Não duvido que em algum

Read More...

Reforma da previdência proposta por Bolsonaro inviabiliza a aposentadoria das mulheres

As mulheres sabem porque estiveram contra o presidente eleito Jair Bolsonaro. Mesmo antes de assumir, já começa a pagar

Read More...

Leave a reply:

Your email address will not be published.

Mobile Sliding Menu